Home » MOTÉIS » Presidente da ABMotéis faz balanço de viagem à Taiwan: “O Brasil está bem posicionado no mercado da motelaria”

Presidente da ABMotéis faz balanço de viagem à Taiwan: “O Brasil está bem posicionado no mercado da motelaria”

Felipe Martinez comenta diferenças e semelhanças de motéis taiwaneses e brasileiros e projeta viagem ao Japão

No último mês de novembro, ocorreu a segunda edição do projeto Em Busca dos Melhores Motéis do Mundo, uma iniciativa da Lush Hospitality Group (LHG) em parceria com o Guia de Motéis, no qual um grupo de 20 empresários de diferentes regiões do Brasil toparam embarcar em uma aventura de conhecer o funcionamento, bastidores, gestão e governança dos motéis de Taiwan, além da cultura daquele país. O principal objetivo dessa viagem foi realizar uma pesquisa de campo para adquirir insights e estudos para modelos de negócios inovadores na indústria de hospitalidade.

O projeto começou em 2022, quando o grupo de empresários foi aos motéis da Coreia do Sul em busca de novas oportunidades de negócios e uma imersão no mercado de um outro país para entender o que há de igual e de diferente.

De acordo com o presidente da Associação Brasileira de Motéis (ABMotéis), Felipe Martinez, o resultado da viagem a Taiwan foi positivo. Ademais, o empresário destacou o encontro que teve com o famoso empresário taiwanês, Mr. Danny, presidente da associação de motéis e hotéis do país asiático: “A gente conseguiu agendar várias reuniões com gerentes e proprietários de alguns motéis e, sem dúvida, a que mais se destacou foi com o Six Stars, que a gente conversou com o Mr. Danny, que além de ser o sócio fundador, também é presidente da associação de motéis e hotéis de Taiwan. Ele é uma pessoa que possui um conhecimento muito legal sobre o desenvolvimento da hospitalidade como um todo em Taiwan. O Mr. Danny deu uma aula sobre hospitalidade, até a forma como ele nos recepcionou, enfim, com a bandeirinha do Brasil e uma faixa de boas-vindas. Foi, realmente, uma recepção muito calorosa”.

Além disso, Felipe Martinez aponta algumas similaridades e diferenças entre os motéis brasileiros e taiwaneses: “O Brasil está bem posicionado no mercado da motelaria, principalmente no quesito de arquitetura, decoração e automação das suítes. O Brasil está bem à frente. Eu tinha uma expectativa de encontrarmos muita tecnologia embarcada dentro das suítes em Taiwan, e isso não aconteceu. Em relação à similaridade, a gente vê a questão do formato das suítes em garagens privativas e muitas opções com hidromassagem e piscinas”.

Uma característica que se destacou nos motéis de Taiwan foram os formatos híbridos, misturando os serviços de hotéis e motéis, com recepção para carro e lobby para pedestres, como destaca Felipe Martinez: ‘’Ao contrário do que muita gente pensa, que Motel só tem no Brasil, a motelaria é um mercado global e, no oriente, se concentra um dos maiores mercado de motéis do mundo, com destaque para Japão, Coreia e Taiwan. O que temos visto é uma tendência de formatos híbridos, com construções de prédios verticalizados, misturando serviços de Motel e Hotel, criando um novo conceito em Hospitalidade focado em experiência e diversão dos hóspedes. ’’

Por fim, o presidente da ABMotéis fez uma projeção para a expedição de 2024, que será no Japão: “A gente está com uma expectativa muito alta, porque o mercado japonês já traz algumas características que a gente percebeu muito forte na nossa pesquisa e mapeamento prévio, que é a questão da automação, tanto para check-in quanto check-out, com autoatendimento, enfim, recepções que são 100% automatizadas, na qual você não tem nenhuma pessoa, nenhum contato humano Isso é uma característica forte dos motéis no Japão que a gente vai poder entender um pouco melhor como funciona na prática”.

Sobre a ABMotéis

Criada há mais de 10 anos, a Associação Brasileira de Motéis (ABMotéis) é a única representante do setor moteleiro no Brasil e possui mais de 500 motéis associados. A entidade conta com diretores presentes em 17 estados, além do Distrito Federal. Sua missão é trabalhar pela profissionalização do setor com o objetivo de valorizar o motel como um meio de hospedagem seguro para casais que buscam lazer e entretenimento. Todo ano, a associação promove ações de marketing voltadas para os hóspedes do setor com o intuito de valorizar o motel como meio de hospedagem.