Home » DESTAQUES » Hospedagem de alto luxo atrai celebridades para a Nova Zelândia

Hospedagem de alto luxo atrai celebridades para a Nova Zelândia

Katy Perry, Justin Bieber e Lady Gaga estão entre os famosos que escolheram o país para relaxar.

De Katy Perry à Lady Gaga, algumas das maiores celebridades internacionais relaxam em casas de veraneio muito bem equipadas (e escondidas) na Nova Zelâdia. O país é um dos principais destinos para férias de luxo e conta com diversas opções de hospedagem em propriedades privadas.

No Sul, o paraíso dos pop stars
Queenstown – a capital da aventura – é o destino predileto de Justin Bieber e Katy Perry na Nova Zelândia, onde reservam um tempinho em suas agendas para aproveitar o esplendor da cidade no Lodge at The Hills. A Mansão que fica no campo de golfe The Hills pertence ao famoso designer de jóias neozelandês, Sir Michael Hill. São seis suítes, estúdio artístico, sala de música e mídia, sala de jantar, adega, piscina infinita aquecida, banheira de hidromassagem, sauna, campo de golfe e lareira externa. Na alta temporada, a diária custa 32.350 dólares neozelandeses (aproximadamente R$ 74,3 mil).

Ilha da Fantasia
A região de Bay of Islands é uma reserva natural privada na ilha de Moturua que só pode ser acessada por barco ou helicóptero, a escapada perfeita para quem busca exclusividade. Lá, de frente para o mar de Motutura está a Kauri Cove, uma mansão com quatro quartos espaçosos, e uma cozinha e sala que se estendem até o jardim, tudo projetado pelo premiado arquiteto neozelandês Pete Bossley. A propriedade também dispõe de hangar para helicópteros, heliponto, banheira de hidromassagem e um chef de cozinha (sob reserva). Diárias a partir de 16,5 mil dólares neozelandeses (cerca de R$ 37,9 mil).

Da Rússia, com amor
Na Rússia, “dachas” são casas de veraneio modestas e fora das grandes cidades. Já a The Dacha, em Wanaka, tem uma proposta um pouco diferente: é uma propriedade luxuosa com vista panorâmica para grandes montanhas e vales glaciais. Entre os destaques estão uma abóbada de 4,8 metros de altura, lareira de pedra e uma enorme área externa com vista de 180 graus para o Lago Wanaka. Há também banheira de hidromassagem, coleção de obras de arte internacionais e piscina aquecida. O preço da diária parte de 7,5 mil dólares neozelandeses (R$ 17,2 mil) por noite.

Vinhedos de Waiheke
O alto luxo chegou a ilha de Waiheke junto com os vinhedos e vinícolas da exclusiva Fossil Cove Estate. Com uma vista de tirar o fôlego do Golfo de Hauraki, a propriedade tem piscina infinita de 17 metros, heliponto e serviços chef de cozinha (sob reserva). Fossil Cove já foi QG de férias da Lady Gaga em Auckland – e continua sendo o reduto de ricos e famosos. As diárias custam 10,5 mil dólares neozelandeses (R$ 24,1 mil) por uma estadia mínima de três noites.

Idílio insular
Localizado na ilha de Rakino, no Golfo de Hauraki, o Hurakia Lodge é o mais longe que se pode ficar da civilização em Auckland – a maior cidade da Nova Zelândia – , tão distante que seu acesso é organizado somente pelos donos, de helicóptero ou em uma viagem de barco que dura cerca de 35 minutos a partir do centro de Auckland. Com cinco suítes – incluindo a presidencial com banheira para duas pessoas e vista para o mar – spa, sauna de infravermelho e uma lap pool (piscina para prática esportiva) na área externa, além dos serviços de chef de cozinha (sob reserva), o Hurakia Lodge é a experiência perfeita de luxo e privacidade, onde muitas das praias não possuem acesso público. São 8 mil dólares neozelandeses (R$ 18,3 mil) para alugar toda a mansão por duas noites (estadia mínima na baixa temporada).